• Gabriel Sereno

Baleado no Complexo do Salgueiro morre após recusar atendimento médico em São Gonçalo

Segundo familiares, vítima estaria com mandado de prisão em aberto, e temia ser preso pela polícia dentro do hospital.


Um homem, identificado como Paulo Henrique Leopoldo dos Santos, de 28 anos, morreu nesta quinta-feira (16), após ser baleado e ter se recusado a ir para o hospital na última segunda-feira (13), no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo.


De acordo com a PM, agentes foram acionados para verificar uma ocorrência no Hospital Estadual Alberto Torres (HEAT), no Colubandê, onde uma pessoa teria dado entrada com ferimentos. Ao chegarem no local, a mãe da vítima relatou aos policiais, que o filho havia sido baleado na última segunda-feira (13), e teria se recusado a ir para a unidade de saúde devido a um mandado de prisão em aberto.


Foto: Divulgação

Após dias em casa, o estado de saúde do homem piorou e a mãe tentou socorrer o filho, mas a vítima já chegou morta ao hospital. Ainda não há informações sobre a autoria e motivação do crime.


O corpo de Paulo Henrique dos Santos foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), de Tribobó, em São Gonçalo.


O caso está sendo investigado pela 72° DP (Mutuá).


Use #GazetaConectada

PUBLICIDADE

Stories Restaurante de Sushi - Propaganda.png