• Redação

Axel Grael participa de conferência da ONU na Escócia

Representante dos prefeitos no Brasil, o prefeito de Niterói ressaltou a preocupação e engajamento dos governos locais em defesa da sustentabilidade.


Axel Grael participa de conferência da ONU na Escócia. Foto: Divulgação

O prefeito de Niterói, Axel Grael (PDT), deu início neste sábado (06) à sua participação na 26ª Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP 26), que reúne representantes de aproximadamente 200 países em Glasgow, na Escócia. Vice-presidente da Frente Nacional de Prefeitos para Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, ele participou de um debate sobre a importância dos governos locais e a Declaração de Edimburgo.


Em agosto, Niterói foi a segunda cidade brasileira a assinar a Declaração de Edimburgo sinalizando o compromisso municipal de realizar ações transformadoras para alcançar objetivos e ambições definidas no marco global da biodiversidade. Além do prefeito Axel Grael, também participaram do debate Suzanne Case, presidente do Departamento de Terras e Recursos Naturais do Estado do Havaí, e Ana Oregi, vice-prefeita de Vitoria-Gasteiz (Espanha).


Grael, que está representando Niterói e a FNP em Glasgow, ressaltou a importância dos governos locais em defesa da agenda climática.


“É preciso ratificar para as lideranças internacionais que os governos locais brasileiros estão preocupados e engajados nesta missão de conter o aquecimento global. Vivemos um momento decisivo para o futuro da humanidade. Apesar de, infelizmente, não termos um consenso a este respeito no Brasil", disse o prefeito de Niterói.

Embora ainda não seja uma unanimidade, Axel garantiu que, a esmagadora maioria dos governantes brasileiros, está consciente de que precisa pensar, agir e cobrar ações locais, regionais, nacionais e planetárias a fim de evitar uma catástrofe: "Não há escolha, o desenvolvimento será sustentável ou, simplesmente, não acontecerá”, sentenciou o ambientalista.


Grael continuou sua intervenção afirmando que, a Agenda 2030, precisa ser percebida como ferramenta para transformação de desafios em oportunidades.


“Se sairmos desta pandemia da mesma forma como entramos, teremos perdido uma oportunidade histórica. Ao mesmo tempo em que nos deixou ainda mais longe dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, a Covid-19 chamou a atenção do mundo sobre a importância e urgência do cumprimento do Acordo de Paris de 2015, que foi um marco nas negociações internacionais sobre o clima”, disse o gestor de Niterói, me nome da Frente Nacional de Prefeitos.


Niterói também está representada em Glasgow pelo secretário municipal do Clima, Luciano Paez, e o coordenador do Programa Niterói de Bicicleta, Filipe Simões.


Declaração de Edimburgo


A construção da Declaração de Edimburgo, um movimento participativo chamado “processo de Edimburgo para os governos infranacionais e locais sobre o desenvolvimento do quadro mundial para a biodiversidade pós-2020”, é uma iniciativa do Governo da Escócia em parceria com diversas organizações internacionais, e buscou expressar os anseios, as contribuições, as demandas e os compromissos comuns dos governos locais de todo o mundo na adoção e implementação da agenda pós 2020.


Use #GazetaConectada

PUBLICIDADE

Stories Restaurante de Sushi - Propaganda.png